Rio de Janeiro, domingo, 24 de setembro de 2017 - 18h11min
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Informação » Reportagens

RECORDAR É VIVER...

Foto: Jorge Cecílio (Lance!)
DUPLA DE RESPEITO - Heróis nos anos 60, Ubirajara Mota e Calazans recebem aplausos das torcidas em Moça Bonita

Heróis de 60 e 66, Calazans e Ubirajara Mota vêem o duelo e lembram de glórias passadas

Foi como entrar no túnel do tempo em busca de uma gloriosa época que tão cedo parece que não voltará. A convite do LANCE!, os ex-jogadores Calazans, campeão em 60, pelo América, e Ubirajara Mota, pelo Bangu em 66, voltaram a Moça Bonita para assistir ao duelo entre as duas outroras tradicionais equipes, vencido pelo América por 2 a 1.

Desconhecida para os mais jovens na entrada, a dupla logo foi saudada por antigos torcedores que viram o último título dos dois clubes. "Entra na ponta, Calaza!", gritavam os americanos. "Volta para o gol, Bira!", pediam os bangüenses.

- No meu tempo, esses daí não jogariam nem no juvenil - reclama Calazans.

Ambos começaram juntos nos juvenil do Bangu, em que foram bi-campeões em 52 e 53. Do Estadual de 1960, conquistado pelo América, Calazans recorda do gol que marcou no penúltimo jogo, o terceiro do empate de 3 a 3 com o Botafogo.

- O Didi disse que seria impossível vencer a gente naquele ano.

A decisão de 1966 entre Bangu e Flamengo terminou aos 25 minutos do segundo tempo, após confusão generalizada provocada por Almir. Até eu, que já tinha ganho o Belfort Duarte por disciplina, fui expulso - afirmou o ex-goleiro Ubirajara.

Fonte: Lance!, 02/10/2003.

     
Livros
 
Estatísticas
 
Jogos 4.133
Vitórias 1.728
Empates 979
Derrotas 1.426
Gols Pró 7.305
Gols Contra 6.332
Saldo de Gols 973
Artilheiros
 
Ladislau 231
Moacir Bueno 203
Nívio 152
Menezes 137
Zizinho 125
Luís Carlos 119
Paulo Borges 109
Décio Esteves 98
Arturzinho 93
Marinho 83