Bangu Atlético Clube: sua história e suas glórias
Escudo Corumbaense-MS 0 x 1 Escudo Bangu
Corumbaense-MS   BANGU
Competição Taça de Ouro - Grupo D - Turno
Local Estádio Artur Marinho, Corumbá
Data e hora Domingo, 03/02/1985 - 16h
Árbitro Carlos Sérgio Rosa Martins
Escudo Corumbaense-MS Paulão; Souzinha, Mário Sérgio, Ari e Gérson; Tiquinho, Ferrari e Amadeu; Amauri, Radar e Dutra (Alcione)
Escudo Bangu Gilmar; Perivaldo, Jair, Oliveira e Márcio; Israel, Pingo e Mário; Marinho, Fernando Macaé e Ado
Técnico: Moisés
Gols Bangu 1 x 0: Marinho, aos 32min do 2º tempo
. . . . . . . . . . . . . . .
Bangu vence com gol de Marinho e mantém ponta
Fonte: Jornal dos Sports

CORUMBÁ - O Bangu se manteve na liderança, invicto, do Grupo D da Taça de Ouro, ao derrotar o Corumbaense, ontem à tarde, nesta cidade, por 1 a 0. O único gol da partida foi marcado pelo ponta direita Marinho, aos 32 minutos do segundo tempo, quando tudo levava a crer que o jogo terminaria empatado em 0 a 0.

Nem o fanatismo da sua torcida conseguiu evitar que o Corumbaense perdesse o seu terceiro jogo seguido na Taça de Ouro, e o Bangu quebrou o tabu, já que o Corumbaense ainda não havia sido derrotado no Estádio Artur Marinho, seu campo.

A delegação do Bangu deixa Corumbá hoje, pela manhã, almoça em Goiânia e segue logo após para Uberlândia, onde o time do Rio de Janeiro enfrentará o Uberlândia, quarta-feira. Como não houve nenhuma baixa, Moisés deve manter o time que venceu ontem para o jogo de quarta-feira. O regresso da delegação será na quinta-feira.

O Bangu, que venceu os três jogos que disputou até agora, somando seis pontos, está dividindo a liderança do seu grupo com a Ponte Preta, que também venceu seus três jogos. Segundo Moisés, seu pensamento e dos jogadores e garantir logo no primeiro turno uma boa posição para o time, o que vem acontecendo.