Bangu Atlético Clube: sua história e suas glórias

Com falha de Felipe Melo e reforços apagados, Fluminense perde para o Bangu
27/01/2022
Fonte: ge
Seis contratados fazem estreia no Tricolor, que mostra desentrosamento e é superado pelo time comandado pelo ex-craque Felipe na primeira rodada do Campeonato Carioca. Roberto Baggio marca o único gol da partida
Foto: André Durão
Felipe, técnico do Bangu, contra o Fluminense
Felipe, técnico do Bangu, contra o Fluminense

Resumão

O Fluminense teve a estreia de seis reforços na noite desta quinta-feira, no estádio Luso Brasileiro, na Ilha do Governador, mas acabou derrotado pelo Bangu por 1 a 0, na estreia de ambos no Campeonato Carioca 2022. O Tricolor contou com as estreias de Willian Bigode, Nathan, Pineida, Cris Silva, Cano e Felipe Melo, este o responsável por perder a bola que culminou no gol adversário, marcado por Roberto Baggio, xará do "herói brasileiro" em 1994. Abel Braga, que fez a reestreia no Flu, vai ter trabalho para ajustar o time com menos de um mês para o primeiro confronto da pré-Libertadores, contra o Millonarios, no dia 22. Comandado pelo ex-craque Felipe, o Bangu se mostrou um time veloz e bem armado e que poderia ter vencido até por mais não fossem duas boas defesas de Marcos Felipe ainda no primeiro tempo.

Próximos jogos

O Flu volta a campo no domingo para enfrentar o Madureira, no Raulino de Oliveira, enquanto o Bangu tem pela frente o Botafogo, na mesma data, no Nilton Santos.

Primeiro tempo do Bangu

Com a estreia de quatro reforços desde o início, o Flu sofreu com o desentrosamento. A saída de bola com Felipe Melo centralizado, buscando muitas vezes lançamentos longos, até pareceu interessante no começo. Mas um erro do volante-zagueiro ao receber uma bola na fogueira de Nino e errar o passe foi fatal quando o Bangu fez a pressão, chegou ao fundo e o cruzamento rasteiro ainda teve corta-luz antes da finalização precisa de Roberto Baggio: 1 a 0. Com André e Yago apagados no meio, Fred isolado e os laterais Samuel Xavier e Cris Silva pouco inspirados, Nathan e Bigode tentaram buscar o jogo. O atacante quase empatou em finalização colocada. E o meia por pouco não roubou a bola do goleiro banguense por duas vezes. Mas foi o Bangu que quase ampliou em duas chegadas com chutes fortes que Marcos Felipe fez boas defesas.

Segundo tempo de pressão desorganizada do Flu

O Flu voltou com Luiz Henrique no lugar de Felipe Melo, empurrando assim o Bangu mais para trás. O jovem ponta tricolor logo começou a criar jogadas, dando duas boas bolas para Nathan arrematar com perigo. Abel promoveu a estreia de Pineida na vaga de Samuel Xavier aos 20, e Caio Paulista foi lançado na vaga de Cris Silva. Fred quase marcou em jogada individual, e Abel lançou Cano na vaga de Willian. O Flu tentou até os 53 minutos, em cobrança de falta de Fred, mas não era noite. O desentrosamento pesou.

Veja a reportagem completa.